Qual o tipo de amor a gente espera

A imagem pode conter: uma ou mais pessoas e pessoas sentadas

Eu quero poder andar de mãos dadas com você no meio da rua enquanto você me zoa por alguma piada que eu contei, discutir com você pelas partidas de vídeo game que você sempre ganha e que eu sempre falo que você rouba. Eu quero te abraçar quando você precisar de um abraço, te ligar de madrugada porque eu senti o seu cheiro em alguma parte do meu travesseiro. Quero te mandar mensagem contando como foi meu dia porque você é a primeira pessoa que eu penso... Quero saber as coisas que você apronta, quero ouvir suas piadas sujas e sem graças, quero pular nas suas costas quando eu tiver cansada de andar. Quero sair pra algum pub e dançar até o dia amanhecer do seu lado, quero passar batom na sua boca quando você dormir antes de mim.Quero ligar pra você pra contar como a nossa casa tá ficando linda e como falta tão pouco pro dia do nosso casamento chegar... Quero te provocar e te deixar curioso, beijar a sua boca quando você sorrir. Quando você sorrir me da vontade de sorrir também. Eu quero viajar com você pro meu lugar favorito e tacar neve na sua cara pra te perturbar, colocar infinitos quadros de todas as nossas aventuras em cada cômodo da nossa casa pra poder lembrar de como cada dia do seu lado é especial... 
Quero te surpreender quando você chegar do trabalho, pular nas suas costas e te beijar. Planejar o nome dos nossos filhos e discutir porque o nome que você escolheu é ridículo. Construir tudo do zero, ver seu primeiro cabelo branco aparecer e rir da sua cara por isso, envelhecer do seu lado, sem que o amor acabe. Namorar pra casar, casar pra namorar. Eu quero cuidar de você quando tiver doente porque eu nunca sairia do seu lado por nada.
Olhar pro nosso filho e sorrir sabendo que ele vai ter o melhor pai do mundo e ter certeza que eu nunca vou me arrepender das escolhas que eu fiz. Eu quero que você me surpreenda todos os dias, quero que você nunca me faça duvidar que eu sou a mulher da sua vida.
Alguém bateu na porta, era a enfermeira. 
- Você precisa deixa-lo descansar. 
Ela limpou as lágrimas antes de respirar fundo e olhar pra ele dormindo. Só queria que ele tivesse escutado. Se arrependia todos os dias por não ter dito isso antes, agora só Deus saberia o dia que ele iria acordar. 
- Só não diga que não vai embora. Só abra os olhos, por favor. 
Kath sentiu uma lágrima solitária escorrer pelo seu rosto. A enfermeira a abraçou forte. O aquecedor estava ligado, mas mesmo assim, parecia tão frio lá dentro.
- As pessoas só costumam dizer o que sentem quando estão muito felizes ou muito tristes. Ou quando estão perdendo. Se ele acordar... não comenta esse erro de novo. - a mais velha sussurrou e beijou o rosto da menina.
Ela não cometeria nunca mais.

Um comentário:

Olá! Não esqueça de deixar um comentário bem caprichado sobre o post viu? :)