Você voltou


 :

A distância me matou por inteiro hoje.
Da janela do ônibus enquanto ouço o barulho da chuva e vejo a fumaça esconder todas as montanhas em minha volta, pensei em você. Pensei na vida que poderiamos ter e que foi arrancada de nós por um erro que nós dois nunca vamos aceitar. Que nós nunca iriamos nos perdoar. Nós deixamos ele matar o nosso amor, nosso carinho, nossa amizade. Viajar pela estrada é bom. Te faz pensar em tudo o que você fez e o que você poderia ter feito. Ela te mostra que você é capaz de tanta coisa, mas prefere se acomodar numa vidinha normal.
Meu coração está em pedaços agora, enquanto ouço Tiago Iorc nos fones de ouvido. Tantas músicas dedicadas a você. Tantos textos que eu já escrevi sendo você o maior motivo de eu estar o escrevendo. — Não foi uma história qualquer. Um namoro qualquer com uma pessoa qualquer. Eu vivi um livro, um filme, uma história de romance que poetas costumam contar pros filhos antes de dormir. Olhando agora, nada no mundo me faz se arrepender de tudo o que eu passei com você. Seja os erros, a distância e até a sua incapacidade de dizer a verdade para tentar não me magoar. Nenhuma história é perfeita, eu sei. A nossa foi longe de ser. Mas foi a nossa história, a que não pode competir com nenhuma porque foi forte o suficiente pra ganhar uma medalha de ouro. Sim, você é a minha medalha de ouro. Você não está mais aqui comigo, não namoramos mais e eu sei que eu nunca mais vou acordar com uma mensagem sua dizendo "bom dia amor da minha vida". Mas eu continuo amando você e acredito que sempre vou te amar. Você foi o causador dessa memória satisfeita constante que passa pela minha mente. Você também é o causador por esse buraco enorme no meu peito, mas não doeria se não tivesse sido tão forte, tão lindo. Essa dor é a prova que foi real, que foi verdadeiro, que não era uma paixão de adolescente, era amor, foi amor, é amor.  E por mais que eu siga enfrente, eu sempre vou lembrar de você. Você sempre será o meu amor, só que lá no fundo do meu coração, guardado a sete chaves, onde ninguém pode te perceber ou te encontrar. Eu sei que é egoismo, mas nunca conseguirei amar alguém da mesma forma que você.
Hoje faz dois anos que nós não nos vemos, eu  te superei, te esqueci. Pelo menos é o que o meu cérebro pensa. Ele tem ficado tão ocupado ultimamente — provas finais na faculdade e  prestes a me mudar para o meu próprio apartamento. Eu sou uma pessoa normal, com uma vida normal e por mais que eu odeie ser como todo mundo, eu posso dizer que sou feliz sendo quem eu sou, embora sentisse que não estivesse completa. Como se algo estivesse faltando. Como se eu ainda não fosse quem eu queria ser.
Desde quando eu tinha quinze anos e pensei em ter um carro quando fizesse dezoito, a minha pior preocupação sempre foi enguiçar no meio de uma estrada, à noite. Três anos depois de tirar a carteira, o meu pior pesadelo aconteceu. Eram quase onze da noite enquanto eu voltava da faculdade. Meu coração batia tão forte que eu pensei sair pela boca. Liguei para o meu pai, depois pro reboque e pensava seriamente em ligar pra polícia.
De repente um carro parou atrás do meu e quando eu pensei que estava nervosa o suficiente pelo fato de estar enguiçada no meio da estrada, eu  estava entrando em estado de pânico com o fato de um carro parar atrás do meu. E se fosse um bandido? um psicopata? um estuprador? Eu não queria morrer com apenas vinte e um anos!
Mas quando eu virei o rosto para olhar pra trás não era um bandido, nem um psicopata e muito menos um estuprador. Era o meu melhor amigo. O meu melhor amigo que eu não via a dois anos, o que foi o causador daquele buraco no peito e que estava guardado lá no fundo do meu coração.
Quando eu sai do carro e nossos olhares se encontraram e eu vi o único homem que eu realmente amei, parecia que aqueles dois anos separados não existiam mais. Era como se nada tivesse mudado.
Ele estava com a aparência mais velha, estava mais alto e muito mais forte que antes. Tudo parecia mudado nele, mas eu percebi que apenas uma coisa não havia mudado: o seu sorriso.
E só foi ele sorrir que eu sorri também.
— Você precisa de ajuda?
— Eu adoraria.
E desde então, tudo mudou. Ele não concertou só o meu carro, desde aquele dia ele concertou o meu coração.
Eu nunca pensei que aquela frase era mesmo real. — tudo o que é verdadeiro realmente volta.

13 comentários:

  1. Que texto lindoooo, amei !!

    Acabei de conhecer o blog ,gostei bastante,com certeza vou acompanhar novos posts, já estou seguindo,se puder retribuir vai me ajudar bastante !

    beijinhos

    http://www.brilhou.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada minha linda, vou seguir de volta! haha
      Beijos xx

      Excluir
  2. Texto lindo! *-* Romântico e marcante!
    Amei!

    Um beijo.
    www.anneabreu.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah, muito obrigada! <3

      bjbj xx

      Excluir
  3. Que texto mais incrível eu amei parabéns
    adorei o blog já estou seguindo❥
    ❥Um super beijo❥

    ladorosadomundo.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah, obrigada!! <3

      Bjbj xx

      Excluir
    2. Seu blog também é um amor, muito obrigada pela visita, viu? <3

      Excluir
  4. Que texto mais lindo, achei super profundo! Seu blog é um amor. ❤

    www.kailagarcia.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Kaila, muito obrigada pela visita. O seu também é um amor! <3

      bjbj xx

      Excluir
  5. Profundo e lindo. Parabéns prlo blog *-* Beijos se puder retribuir ficarei agradecida♥
    🌸📝


    floordemandacaru.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oii Amanda! Claro que irei retruibuir haha
      super beijo! xx

      Excluir
  6. Nossa que lindo!
    Conhecendo seu blog agora e já ficando apaixonada rs
    Já estou seguindo pra não perder nadinha!
    Bjus
    Taty
    Na Casa dos Abrantes
    Canal

    ResponderExcluir
  7. Obrigada, Taty! <3
    Vou visitar o seu blog hehe
    Bjbj xx

    ResponderExcluir

Olá! Não esqueça de deixar um comentário bem caprichado sobre o post viu? :)