Orgulho mata



Momentos bons e recíprocos hoje em dia são raros. Encontrar amores fortes e verdadeiros é quase a mesma coisa que achar um bolo de notas altas em cima da calçada.  — Não estou dizendo que é impossível, mas é quase isso.
Uma hora chega a noite e mesmo você sendo a pessoa mais orgulhosa do mundo, a que diz "não precisar de ninguém", você precisa. Você precisa ligar pra alguém, mesmo que seja só pra dizer boa noite ou quem sabe contar como foi o seu dia.
O silêncio da noite é perturbador, te faz pensar nas coisas mais profundas do seu subconsciente. Te da todos os tapas na cara que você precisa, e mesmo você forçando a mente para tentar se enganar, ele te diz a verdade. E ela te destrói por inteiro.
Quantas vezes você já sentiu aquele vazio no peito e com uma vontade enorme de ligar pra única pessoa que pode te fazer feliz, mas não ligou? Não ligou porque tem um orgulho tremendo no peito ou porque acha que não vale a pena e que essa pessoa não tá nem ai pra você.  Enquanto ela estar lá, na mesma posição que você, olhando para o telefone esperando a mesma coisa: uma ligação.
Quantas vezes você pegou o celular e quis mandar uma mensagem, mas não mandou?  — Covarde, teve a chance de ser feliz e jogou fora.
Agora chora todas as noites com esse maldito buraco no coração que você mesma criou com esse orgulho inútil, que só te faz sofrer.
Vocês poderiam estar agora juntinhos assistindo netflix em casa enquanto entrelaçam seus pés gelados em uma tentativa de alcança-los. Você poderia estar sendo feliz agora, rindo, amando.
Mas preferiu essa vida vazia porque é insegura o suficiente pra se arriscar e deixar as coisas novas entrarem e descongelarem essa pedra que você chama de coração.
Hoje você olhou pro telefone pela última vez antes de dormir. Viu a última vez que ele visualizou por último e até arriscou algumas palavras. Mas não enviou. Em vez disso deitou a cabeça no travesseiro e fechou os olhos, pra que amanhã, você faça a mesma coisa.

8 comentários:

  1. A frase mais propicia que eu ouvi por esses dias "orgulho mata", ainda bem que minha vida não é baseada nisso, se eu amo eu falo, se quero ligar eu ligo, se quero correr atrás eu vou, melhor me arrepender do que fiz do que não fiz, amei o texto ♥
    lravilla.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Você falou tudo agora. Tudo depende da gente <3
      Muito obrigada pelo seu comentário! ☺💛

      Super beijo!

      Excluir
  2. Adorei o post! Sou muito orgulhosa e preciso mudar isso, ele nos tira tantas coisas que nem vemos!

    Muito shoooow!


    Beijos da Nati
    www.oxifalei.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é, as vezes só depende de nós mesmo para sermos felizes e acabamos não sendo por causa do orgulho. :(

      Muito obrigada por ler até o final, beijo enorme! <3

      Excluir
  3. Os 'amores' de hoje em dia são assim mesmo... Ninguém quer dar o braço a torcer, digo isso por mim haha, eu sou orgulhosa nesse quesito. Mas é porque ás vezes não vale a pena MESMO todo o esforço feito.

    https://heyimwiththeband.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Cuidado com esse orgulhinho, hein! hahaha
      eu sei bem como é, mas não deixe ele tomar conta de você.

      Muito obrigada por comentar <3

      Super beijo!

      Excluir
  4. Já fui muito orgulhosa, e ainda tenho muito disso dentro de mim. Mas digo uma coisa, quando amamos alguém de verdade, não há orgulho que te faça ficar longe ou que te impeça de arriscar.
    Orgulho tem um pouco de imaturidade, mas também tem de autoproteção e autoconhecimento.
    Gostei muito do texto e do o seu cantinho,
    beijos <3
    www.nayaradantas.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Nayara!
      Amei o seu comentário, você tem razão. O amor pode vencer qualquer coisa! <3

      Super beijo!

      Excluir

Olá! Não esqueça de deixar um comentário bem caprichado sobre o post viu? :)