Eu sinto demais.



Eu sou daquelas difíceis de se lidar. Sim, eu sou aquela menina sensível que você viu no ponto de ônibus na quinta-feira passada. A que sorriu para um casal de velhinhos que passava ao seu lado de mãos dadas. Eu sorri porque queria se espelhar neles. Ninguém sabe o que passaram para continuarem juntos depois de tantos anos, mas eles estavam. Eu não os conhecia, mas os admirava mesmo assim.
Eu sou aquela que disse que precisa de atenção três vezes mais que as pessoas normais. A que tem o coração de porcelana, a que se você gritar alto com ela, ela vai estremecer e quem sabe chegue até chorar.
Eu sou aquela que morre de saudades precoce, que chora por tudo, que sente demais, ama demais e rir demais assim como chora demais. A que faz drama por bobeira, a que vai te  perturbar até você ceder, a que faz palhaçada o tempo inteiro. A que escreve um textão enorme quando você está triste. Sim, eu sou aquela que se importa demais.  E por isso, já magoaram o meu coração.
Eu não sei guardar magoas e não sai deixar pra lá. Eu me preocupo com as pessoas mesmo sabendo que elas me magoaram. Mas tudo bem, é tudo bem. Eu aprendi a ser forte, aprendi a não me importar demais porque quando você se importa demais as pessoas te magoam.
Mas sabe aquela pessoa que me magoou no ano passado? A que me fez chorar e  que disse coisas horríveis? Eu perdoei, sim perdoei. Não que eu seja trouxa ou algo do tipo, mas sim porque a raiva é um sentimento tão ruim que o meu coração não aguentou. Ele simplesmente a expulsou porque não tinha espaço pra um sentimento tão sujo ao lado de sentimentos tão puros.
Eu aprendi a lidar com as pessoas. E sim, eu continuo sendo a mesma boba chorona, a mesma sensível e carente. Mas eu aprendi a separar o bom do ruim. Eu continuo sorrindo para os que me querem mal e para os que me querem bem, mas só os que me amam de verdade conhecem o meu verdadeiro eu. E que sorte a deles, e que azar dos que são maus.

23 comentários:

  1. Olá, Yamin! Lindo blog e lindo post! Eu me identifiquei bastante, sou do tipo de garota que não consegue guardar mesmo as magoas e que se preocupa mais coim os outros do que consigo mesma! Lindo lindo!
    Beijos,
    Luana Agra - http://sector-12.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hey Lu, obrigada!
      Que bom que gostou. ♥

      Bjbj

      Excluir
  2. Oi linda, eu super me identifiquei com esse texto eu sou daquelas que sentem passado da conta, e choro com tudo é incrivel, eu adorei muito o texto e amei o blog por isso estou seguindo para não perder mais nada daqui, se puder retribuir o carinho ficaria muito feliz ♥
    lravilla.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Lorena! Eu também sou assim :(
      Fico feliz que tenha gostado, obrigada por seguir! Vou te seguir de volta.

      Um bj ♥

      Excluir
  3. Amei o texto. Seu blog é um amor, lindo demais.
    Beijoos. ❤
    www.amordeluaazul.com.br

    ResponderExcluir
  4. Que texto lindo! Me identifiquei bastante <3
    Beijos
    www.purpurinaacida.com

    ResponderExcluir
  5. Ameii o texto me identifiquei demais com tudo!! ❤
    Lindoo seu blog, muito fofo!! Amei!!

    Beijo carinhoso da Kaah
    • Senhorita Inspiradora

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah que bom!
      Obrigada minha linda!

      Beijos ♥

      Excluir
  6. Oi Yash obrigada pela visita no blog, vamos nos seguir? eu gostei muito da sua postagem e me identifiquei com cada parte eu mudei com o tempo, acho que pelas coisas da vida a gente muda, não que isso seja ruim, aprendi a ver as coisas de outra forma, talvez a sentir menos, pessoas como a gente sabem amar demais, mas pode ter certeza que quando a gente cansa, não tem volta!

    Ciranda da Bailarina

    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mesmo sem querer acabamos mudando... Faz parte da vida. Verdade, não tem volta mesmo!
      Vamos nos seguir sim, obrigada pelo comentário <3

      Um bjbj

      Excluir
  7. aaah e amei tudo no seu cantinho, lindo demais o seu blog!

    ResponderExcluir
  8. Eu tbm sorrio para todos, mas poucos me conhecem de verdade!
    Bjs da Su!
    www.rosachiclets.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. As melhores pessoas são assim <3

      Bjbj

      Excluir
  9. me identifiquei com o texto, não sei guardar magoas, sou a mesma sensível, bobona e carente de antigamente..bjs
    www.miriasantanna.com.br

    ResponderExcluir
  10. Olá Yash, tudo bem?
    Essa é a melhor coisa que podemos fazer! Não guardar mágoas, e continuar amando e se importando com as pessoas mesmo quando elas nos fizeram mal, sabe porquê?

    Isso nos faz bem! Isso nos mostra o quão estamos maduros e prontos para seguir em frente. Eu não vejo isso como fraqueza, como bobagem ou qualquer outra coisa... mas eu vejo isso como força, como uma nobreza interior.

    Que texto bem feito! Amei seu blog, e lhe desejo sucesso!
    Beijos,

    Blog Senhorita Deise

    Instagram

    ResponderExcluir
  11. Hey moça, eu amo ler textos assim, seu blog vem conquistando varias pessoas, estou torcendo pelo seu crescimento... Me identifiquei com esse texto, você escreve bem!! Parabéns

    ResponderExcluir
  12. Hey moça, eu amo ler textos assim, seu blog vem conquistando varias pessoas, estou torcendo pelo seu crescimento... Me identifiquei com esse texto, você escreve bem!! Parabéns

    ResponderExcluir
  13. Achei lindo e me identifiquei muito. Sou aquele tipo de pessoa que não consegue sentir pouco. Ser pouco amiga ou pouco amor. Só sei sentir demais e mesmo magoada por estes amores e amigos, sei que dei o melhor de mim.

    ResponderExcluir

Olá! Não esqueça de deixar um comentário bem caprichado sobre o post viu? :)