Quando eu fui ver Cinquenta tons de cinza.


Essa é uma história bem complicada, vamos dizer assim HAUAHUSA. 

Gente, o que eu passei! Lá vai a Yash contar a história pra vocês.

Eu tenho uma amiga COMPLETAMENTE alucinada por Cinquenta tons de cinzas, ela é superfã! (Tanto  que ficou gritando Christian várias vezes no cinema, mas abafa!) Então, marcamos de ver Cinquenta tons de cinza. Compramos o ingresso na internet pra não eenfrentarfila e fomos na hora da sessão, antes passamos na Americanas, compramos aquelas coisas que a minha mãe chama de porcaria (Chocolate, fine, salgadinho e coca) e fomos para o cinema. 
Na hora de entrar, vem uma mulher com cara de vaca (Vaca mesmo, gente que cara feia aquela mulher do cinema tem, muito mau humorada, precisa arrumar um namorado) pedir as identidades. Mas é claro que antes a gente tinha visto no site da Kinoplex que um menor (no caso eu, 15) poderia entrar com um maior de dezoito. E sabe a Migs alucinada por Cinquenta tons de cinza que eu disse? Era maior. Mas a mulher cismou que o meu pai tinha que ir lá! ai eu pensei: Fodeo.
Como eu ia explicar pro MEU PAI que eu estava no cinema pra ver um filme que só tem, ah você sabem né! 

Olhei pra migs e falei: E agora?
Ela quase me deixou lá e entrou! Mas por sorte não deixou né hauahusa. Então eu falei: Não, Migs, vamos trocar os ingressos pra outra sessão e eu vou arranjar um jeito do meu pai vim aqui. Trocamos os ingressos com umas meninas super fofas de lá, e elas compraram o ingresso pra gente na próxima sessão. Liguei pro meu pai desesperada (Pq se depender da minha mãe ela só chegava no cinema em 2025) Mas meu pai falou tanto! "Menina, você só me mete em problema, só podia ser você!" fiz aquele charme e como ele é um bom pai e me ama muito (sim eu apelei pra isso no telefone) no fim, ele foi lá assinar o bendito "Termo de responsabilidade." 

Agora o momento mais engraçado de todos: A hora de assinar.

Quando a mulher falou: Drama com cenas de sexo
O meu pai arregalou os olhos e disse: O QUE? 
Migs arregalou os olhos e riu tanto, fez aquela cara torta com um olhar de : "Cala boca! Não precisava ter dito isso né?!" 

Depois que o meu pai assinou o termo e foi embora, ainda ficamos mais uma hora esperando a sessão, nossa coca cola ficou quente e a gente tinha jogado a nota fora e não tinha como trocar (nunca percam a notinha, experiência própria haushua) Mas no fim, conseguimos ver o filme. 
Agora imagine nós duas na fila, três horas depois, a mulher olhando para a nossa cara com aquelea cara de "Essa duas de novo? afff!" 
Quando eu amostrei o papel que ela tanto fez questão, fizemos uma cara de "Chupa essa, manga porque agora eu vou ver CHRISTIAN GREY HAUAHSUA" 

Bônus; Na hora que a gente foi abrir a coca cola dentro do cinema, ela meio que explodiu e sujou o chão todo! (Ninguém viu, ninguém sabe hahaha) 

Mas no fim, EU VI CHISTIAN GREEEEEEEY! HAHAHAHAHAHA

Que as portas se fechem pra vim Cinquenta tons mais escuros, e pra pagarmos mais micos, como sempre! 





- Como assim já acabou, Larissa? 
- Já acabou menina.
- NÃO PODE ACABAR ASSIM. QUE ANGUSTIA, VOLTA AQUI GREY! Agora me empresta o segundo livro porque eu preciso saber o que vai acontecer.
- Tá eu te empresto, agora vamos embora! 
- Tchau, Grey. (Carinha de choro) :P

Beijos! 



Um comentário:

  1. kkkkkkkkkkkkkkkk Nossa que situação!
    Olha, acho que essa mulher do cinema está na seca mesmo pois se tiver acompanhado por um maior pode entrar... huehuehuehue!
    Ri muito aqui hahahah! Muito bom o post!
    Abraço! Lindo seu blog :)

    http://blogliterando.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Olá! Não esqueça de deixar um comentário bem caprichado sobre o post viu? :)